Pular para o conteúdo principal

Gravidez da Ritinha

Vou contar sobre cada gestação em posts separados,vou começar com minha segunda gravidez,da Ritinha,não irei lembrar de tudo,pois ela já está com 7 aninhos!
Depois que perdi meu primeiro filho por erro médico,entrei numa depressão sem fim,chorava por quase tudo,principalmente quando via bebês e pensava porque eu não tive o direito de cuidar do meu?
Eu e meu marido conversamos muito sobre ter outro filho,mas o medo de acontecer igual aconteceu com nosso primeiro filho era grande,meu marido tinha mais medo que eu!
Eu calculei tudo direitinho e sabia o dia ideal para  poder engravidar,usei o método da tabelinha,confesso que duvidei mas funcionou!A princípio não avisei ao meu marido,mas na hora "H" resolvi falar com ele: "Amor,estou em meu período fértil!"Achei que ele iria desistir,mas ele falou:"Não tem problema!"Na verdade não sei se ele não acreditou ou se lá no fundinho ele deixou rolar porque queria ter nosso filho.Beleza,passou os meses,minha menstruação sempre foi desregulada,daí quando não descia eu não me preocupava e foi o que aconteceu,desconfiei,na verdade tive certeza quando enjoei a primeira vez!Comentei com Ed meu marido e ele me falou:"Vamos fazer o exame para ter certeza!"Ele marcou uma consulta com uma médica clínica mesmo,eu já estava precisando atualizar minha receita de insulina e falei com ela que se seria possível eu estar grávida novamente!Ela falou que só fazendo o exame para ter certeza!Fiz o exame no dia seguinte e o resultado saiu no mesmo dia e quem foi pegar foi meu marido e estava lá positivo!Meu marido abriu um sorriso sem tamanho de felicidade!Foi uma mistura de alegria com medo,eu achei que iria dar negativo,pois eu queria muito que fosse real e era!Eu estava grávida!!!Mal podia acreditar!Acho que estava com uns dois meses,quase três quando descobri e com quase 4 meses comecei a fazer o pré-natal com uma obstetra e tinha acompanhamento com um endocrinologista,estava tudo indo muito bem,minha barriga cresceu bem pouco nos primeiros meses,apontou mesmo com 5 daí já dava para ver que eu estava grávida,nessa fase o barrigão cresce bem rápido e só vai aumentando!Com quase 5 meses descobri estar grávida de uma menina e meu marido escolheu Rita,nome de sua vó materna que ele amava muito!Nos três primeiros meses,lembro que tive muitas crises de hipo severas a ponto de desmaiar e parar no pronto-socorro,desmaiar foi só uma vez,as hipos tive várias,mas no segundo trimestre elas ficaram boazinhas de novo rsrsrrs,o ruim foi a pressão arterial,subiu e não desceu mais,precisei tomar remédio para contolar,as glicemias rebelaram já no sétimo mês,mas eu já estava internada para resguardar minha vida e da Ritinha,pois segundo os médicos nessa fase tudo é mais complicado glicemia,pressão...internada mediam minha glicemia 5 vezes ao dia,eu achava um luxo rsrsrs,pois eu não tinha condições de comprar as fitinhas,tomava a Regular para corrigir mas era só no hospital,durante a gravidez tomava a Nph e o remédio para contolar a pressão e dieta sem quase nada de sal.No hospital a mesma coisa,tudo quase sem sal,a pressão e glicemias se comportando,mas quando a pressão começou a subir,tomei aquela injeção para amadurecer o pulmão do bebê,marcaram minha cesárea para dia seguinte,segundo eles para eu não correr o risco de eu ter uma eclâmpsia.O ruim foi que estava como o mesmo tempo de gravidez quando perdi meu primeiro filho,7 meses e meio,liguei para meu marido e minha mãe para avisar, eu estava internada em B.H.
Meu marido chegou com minha sogra,mas a Ritinha já havia nascido,cansadinha e foi direto para UTI neonatal,eu recebi alta 15 dias depois do nascimento mas continuei indo em B.H. dia sim,dia não para poder amamentar,era um sofrimento ir embora e deixar ela tão pequenininha e indefesa lá no hospital!Mas 1 mês depois ela teve alta e eu pude realizar meu sonho de ser mãe e ter ela pertinho,sentindo seu cheirinho,morrendo de medo rsrsrsr,observando se ela estava respirando direitinho(tudo bem,fiquei um pouco neurótica rs)mas logo me acostumei!Foi tudo tão natural,perecia que eu nasci já sabendo como cuidar de um bebê,minha filha!Tão pequena e tão frágil!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Receita caseira de sorvete diet

Oi pessoal!
Eu faço contagem de carboidratos mas sempre que posso eu mesma faço minhas receitinhas em casa na versão diet.
Procurando aqui na net achei essa receita de sorvete,primeiro fiz na versão original,ficou uma delícia todos aqui em casa aprovaram,depois fiz na versão diet,substituí o açúcar por adoçante em pó Tal & Qual.
O leite condensado eu mesma fiz na versão diet.
Segue a receita do leite condensado diet e depois do sorvete!
Dicas:A receita é de sorvete de morango,mas já fiz de chocolate, basta substituir por achocolatado diet 2 colheres de sopa,conheço o da marca Gold,para sabor creme basta adicionar 1 colher de chá de essência de baunilha e por aí vai!









Receita do leite condensado diet:Ingredientes:
1 xícara de chá(200ml) de leite em pó desnatado;¼ de xícara de chá de água fervente;½ xícara de chá de adoçante em pó;1 colher de sopa de margarina light.Modo de preparo:
Bata todos os ingredientes no liquidificador até formar uma pasta homogênea;
Após esfriar o leite condensado di…

Depressão e diabetes

Olá pessoal!Tudo bem?
Hoje irei falar de um assunto, que queria já poder ter falado a tempos aqui no blog, como forma de alertar e tentar ajudar, pois já passei por isso e não desejo para ninguém:DEPRESSÃO.
Eu nesses anos de diabetes já tive depressão algumas vezes e vou explicar o que eu senti e como consegui reverter.
A depressão começa, mas não sabemos que estamos com depressão, eu achei que estava apenas com desânimo ou que estava ficando doente,mas era um desânimo constante e nada me deixava feliz, sentia uma tristeza profunda que não parecia caber dentro de mim.
A primeira vez, acho que eu tinha uns 16 anos, eu chorava todos os dias, só queria dormir o dia inteiro, sentia muita fome e glicemias ficaram tão alteradas que acabei entrando em cetoacidose diabética, ficando uma semana internada até glicemia normalizar.
Depois que saí do hospital, já não estava mais sentindo aquela tristeza,pois o choque de ter sido internada e o estado que fiquei, me fez querer melhorar,para sair do hospi…

Hipoglicemia com desmaio e convulsão

Olá pessoal! Já até perdi as contas de quantas  vezes tive crises de hipoglicemia com desmaio,acordar no hospital toda molhada devido ao suor frio,tremendo muito,um frio insuportável!
Mas hoje vou relatar o que aconteceu,eu tive uma crise de hipoglicemia com convulsão,não lembro bem quando foi,mas acredito que uns 4 meses atrás.Eu estava numa espécie de sonho,um barulho parecendo um zumbido,tipo como se tivesse tudo rodando,num corredor com uma névoa esbranquiçada,não via o final desse corredor,tudo rodava,rodava e eu tentando puxar o ar,olhei para cima e acordei meio que sobressaltada,cabeça confusa,tentando entender o que estava acontecendo,a cabeça da gente parece que entra em suspensão,tentei colocar as imagens no lugar como um quebra-cabeça e finalmente acordei.Com os sintomas acima relatados,frio,tremedeira,perguntando pelas meninas(minhas filhas).
Impossível acreditar que mesmo com a bomba  de insulina,tive essa hipo severa,mas tive...não estou podendo usar o sensor,culpa do Esta…