Pular para o conteúdo principal

Gravidez Ana Luiza

Depois que a Ritinha recebeu alta foi uma sensação tão mágica,ter ela pertinho,poder amamentar,vigiar seu soninho,fiquei meio neurótica confesso,ás vezes passava a mão em seu nariz para ver se ela estava respirando e se estava muito quietinha eu mexia com ela,tadinha ela abria o olhinho e logo voltava a dormir,amamentar e poder cuidar dela era tão gostoso!Voltei para casa e de tão feliz não me cuidei como deveria e não notei que estava engordando de novo,sentindo enjoos,confundia com hipos pois depois que ganhei a Ritinha eram constantes,achava também que o motivo de tantas hipos eram por causa da amamentação,mas não eram...os meses foram passando e eu sem me tocar,acho que sem aceitar na verdade.Foi aí que um dia eu tomando banho com a porta do banheiro aberta pois meu marido ainda não havia chegado,coloquei a Ritinha no carrinho de bebê para vigiá-la,eu sempre fazia isso rs,meu marido chega me vê e fala:"Acho que vc está grávida de novo,olha como sua barriga está redondinha!rsrsrs"Eu respondi:"Não é gravidez Amor,deve ser por causa da cesárea e eu estou amamentando,meio difícil de eu estar grávida de novo!"Ele me falou:"Seria bom vc fazer um exame para ter certeza..."Eu não liguei muito,pois eu não acreditava estar grávida uma 3° vez seguida,mas procurei a médica do posto,comentei com ela e ela me falou que passaria o exame,mas que tudo indicava eu estar grávida de novo.Duvidei,mas fiz o exame dia seguinte,meu marido pegou o resultado e eu achando dessa vez vai dar nagativo e o susto:Positivo,pensei:"Mas será possível?E eu que sempre ouvi que não iria poder ser mãe engravidar assim de novo e tão rápido?"Eu estava acho que eram quase de 4 meses,aceitei rápido mas achava que eu não iria poder ter dois bebês comigo,não imaginava ser possível nem em meus melhores sonhos rsrsrs,acho que pensava isso,pois cresci ouvindo que eu não iria poder ser mãe e ainda mais de dois!A gravidez foi parecida com a da Ritinha,a diferença foi que inchei muito,primeiro consultas quinzenais com obstetra aqui em Ouro Branco mesmo e com quase seis meses meu acompanhamento foi em Belo Horizonte,consultas quinzenais também,no começo eu levava a Ritinha,a pediatra dela liberou a amamentação mesmo eu estando grávida,ela amamentou até 15 dias antes de eu ganhar a Ana,era até engraçado eu com aquele barrigão e Ritinha mamando,ela largou quando internei com 7 meses e meio para ganhar a Ana,internei por causa da oscilação das glicemias e depois de internada a pressão arterial começou a subir e foi necessário marcar a cesária por segurança,tomei a injeção para amadurecer o pulmão da Ana mais rápido e no dia da cirurgia,foi parecido com a cirurgia da Ritinha, o diferente foi que me colocaram a tal da sonda para fazer xixi,o negócio que incomoda viu!E a cesárea atrasou,era para ser pela manhã,mas só aconteceu bem no meio da tarde devido a várias mamães dando entrada para ganhar seus bebês,estava de jejum desde ás 7 da noite anterior e já estava no soro glicosado e glicemia mantendo,mesmo eu estando morta de fome e a tal sondinha incomodando rsrsr,estava sendo monitorada o tempo todo,glicemia e pressão arterial,mas não via a hora de ganhar minha princesa.Finalmente,me subiram para sala da cesárea,não sei o motivo comecei a sentir medo,lembro que dias antes eu havia trocado o nome dela,seria Danielle,mas no hospital troquei para Ana Luiza,pensava como seria o rostinho da Ana e a ansiedade só aumentava e comecei a tremer e a médica me perguntando se eu estava bem,respondi que sim e eu já estava deitava ligada em vários aparelhos,sendo monitorados minha glicemia,pressão arterial,batimentos cardíacos,quando ouvi seu chorinho!!!Ela chorou forte,me mostaram ela com calma,ela me lembrou seu irmãozinho,meu primeiro bebê que perdi,mas estava bem,levaram ela de volta para examiná-la,quando ouvi os médicos falando entre si:"Ela começou a cansar!"A médica,acho que pediatra falou assim:"A saturação está baixa,não vai poder descer com a mãe..."Eu perguntei:"Ela está bem?"A pediatra me respondeu:"Mãe,ela está bem,mas começou a cansar,vamos ter de levá-la para UTI neonatal!"Só pensei:"De novo..."E fiquei triste.Fui vê-la dois dias depois do parto,ela estava tão bonitinha,bem fortinha,entubada tadinha,mas ficou assim uma semana,depois ela pegou acho que uma infecção hospitalar,teve de tomar antibióticos e tiravam catarro com sondinha pelo narizinho dela,sofria de ver aquele procedimento,mas depois de 21 dias ela teve alta,levei ela para casa e estava eu com meus dois bebês rsrsrs, a Ritinha estava com apenas 10 meses de vida e Ana Luiza recém nascida
E a História se repetiu mais uma vez,engravidei da Danielle,mas conto em um próximo post!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Receita caseira de sorvete diet

Oi pessoal!
Eu faço contagem de carboidratos mas sempre que posso eu mesma faço minhas receitinhas em casa na versão diet.
Procurando aqui na net achei essa receita de sorvete,primeiro fiz na versão original,ficou uma delícia todos aqui em casa aprovaram,depois fiz na versão diet,substituí o açúcar por adoçante em pó Tal & Qual.
O leite condensado eu mesma fiz na versão diet.
Segue a receita do leite condensado diet e depois do sorvete!
Dicas:A receita é de sorvete de morango,mas já fiz de chocolate, basta substituir por achocolatado diet 2 colheres de sopa,conheço o da marca Gold,para sabor creme basta adicionar 1 colher de chá de essência de baunilha e por aí vai!









Receita do leite condensado diet:Ingredientes:
1 xícara de chá(200ml) de leite em pó desnatado;¼ de xícara de chá de água fervente;½ xícara de chá de adoçante em pó;1 colher de sopa de margarina light.Modo de preparo:
Bata todos os ingredientes no liquidificador até formar uma pasta homogênea;
Após esfriar o leite condensado di…

Depressão e diabetes

Olá pessoal!Tudo bem?
Hoje irei falar de um assunto, que queria já poder ter falado a tempos aqui no blog, como forma de alertar e tentar ajudar, pois já passei por isso e não desejo para ninguém:DEPRESSÃO.
Eu nesses anos de diabetes já tive depressão algumas vezes e vou explicar o que eu senti e como consegui reverter.
A depressão começa, mas não sabemos que estamos com depressão, eu achei que estava apenas com desânimo ou que estava ficando doente,mas era um desânimo constante e nada me deixava feliz, sentia uma tristeza profunda que não parecia caber dentro de mim.
A primeira vez, acho que eu tinha uns 16 anos, eu chorava todos os dias, só queria dormir o dia inteiro, sentia muita fome e glicemias ficaram tão alteradas que acabei entrando em cetoacidose diabética, ficando uma semana internada até glicemia normalizar.
Depois que saí do hospital, já não estava mais sentindo aquela tristeza,pois o choque de ter sido internada e o estado que fiquei, me fez querer melhorar,para sair do hospi…

Hipoglicemia com desmaio e convulsão

Olá pessoal! Já até perdi as contas de quantas  vezes tive crises de hipoglicemia com desmaio,acordar no hospital toda molhada devido ao suor frio,tremendo muito,um frio insuportável!
Mas hoje vou relatar o que aconteceu,eu tive uma crise de hipoglicemia com convulsão,não lembro bem quando foi,mas acredito que uns 4 meses atrás.Eu estava numa espécie de sonho,um barulho parecendo um zumbido,tipo como se tivesse tudo rodando,num corredor com uma névoa esbranquiçada,não via o final desse corredor,tudo rodava,rodava e eu tentando puxar o ar,olhei para cima e acordei meio que sobressaltada,cabeça confusa,tentando entender o que estava acontecendo,a cabeça da gente parece que entra em suspensão,tentei colocar as imagens no lugar como um quebra-cabeça e finalmente acordei.Com os sintomas acima relatados,frio,tremedeira,perguntando pelas meninas(minhas filhas).
Impossível acreditar que mesmo com a bomba  de insulina,tive essa hipo severa,mas tive...não estou podendo usar o sensor,culpa do Esta…